W3C

O XML é Dez!

Comunidades são convidadas a comemorar o 10º aniversário do XML

Contato para Americas, Australia --
Ian Jacobs, <ij@w3.org>, +1.718.260.9447 or +1.617.253.2613

Contato para Europa, África e Oriente Médio
Marie-Claire Forgue, <mcf@w3.org>, +33.492.38.75.94

Contato para Asia
Yasuyuki Hirakawa <chibao@w3.org>, +81.466.49.1170

(também disponível em Inglês, Francês e Japones; veja também traduções em outros idiomas)


Depoimentos de associados/Arquivo de releases para imprensa do W3C

http://www.w3.org/ -- 12 de fevereiro de 2008 – Para marcar o décimo aniversário de publicação da versão 1.0 do XML (Extensible Markup Language (XML) 1.0 como uma recomendação W3C, o Consórcio World Wide Web planeja ao longo de 2008 reconhecer e agradecer às dedicadas comunidades e indivíduos que, com suas contribuições por meio de uma variedade de atividades e eventos, foram os responsáveis pelo XML, incluindo pessoas que participaram dos grupos e mailing lists do W3C, da comunidade SGML (Standard Generalized Markup Language) e da lista pública xml-dev. XML é um formato simples, aberto e flexível usado para a troca de uma ampla variedade de dados dentro e fora da Web. O sucesso do XML é um forte indicador de como indivíduos dedicados, que trabalham de acordo com os Processos W3C, podem se unir a uma comunidade maior para produzir resultados que mudam a indústria de tecnologia.

O XML do W3C está em todo o lugar

“Em essência, não existe no mundo computador de mesa, de mão ou servidores que não executam XML algumas vezes”, disse Tim Bray, da Sun Microsystems. “Isto é bom porque mostra que informações podem ser empacotadas, transmitidas e usadas de uma maneira independente da plataforma de computador e software em que são processadas.  XML não será o último sistema de armazenamento de informações, mas como o primeiro, ele tem se saído muito bem.”

De fato, é praticamente impossível que alguém passe o dia sem usar alguma tecnologia baseada em XML. Quando você enche o tanque de combustível, o XML flui da bomba para o posto. Quando você configura a sua câmera digital, isso é feito por meio de controles gráficos baseados em XML em alguns modelos. Quando você conecta a câmera em seu computador, eles se comunicam entre si em XML. Quando você faz um download de uma música, o software usado para armazenar informações sobre as canções possivelmente usará em XML. E quando você explorar Marte, o XML irá com você. Veja a história sobre código aberto em Marte.

O XML da W3C é resultado de um esforço comunitário

O W3C estende seus agradecimentos aos participantes do Grupo de Trabalho XML que criaram os padrões: Jon Bosak, Paula Angerstein, Tim Bray (co-Editor), James Clark, Dan Connolly, Steve DeRose, Dave Hollander, Eliot Kimber, Tom Magliery, Eve Maler, Murray Maloney, Makoto Murata, Joel Nava, Conleth O'Connell, Jean Paoli (co-Editor), Peter Sharpe, C. M. Sperberg-McQueen (co-Editor), and John Tigue.

“O décimo aniversário do XML é uma boa hora para refletir sobre as razões de sua criação”, afirmou Jon Bosak, um destacado engenheiro da Sun Microsystems que organizou e liderou o Grupo de Trabalho do W3C que produziu o XML 1.0. "O XML e seus padrões associados propiciaram tantos benefícios técnicos ao longo dos anos que é fácil se esquecer das forças que motivaram a indústria a fundamentar o futuro do desenvolvimento Web em um Padrão Internacional, SGML (ISO 8879:1986). Subjacente a todo o trabalho técnico estava a batalha entre usuários e fabricantes sobre a propriedade dos dados. A Sun Microsystems patrocinou o esforço de tornar o XML um padrão para dados Web porque nós sabíamos que a alternativa seria um formato fechado e não interoperável. Hoje, nós celebramos o sucesso dos padrões abertos ao impedir que dados Web sejam fechados pelo fabricante; A batalha está longe de estar terminada, mas estou orgulhoso de que a Sun foi capaz de fomentar um desenvolvimento que poderá algum dia tornar os dados independentes de fabricante uma realidade”.

XML é um padrão interoperável que suporta internacionalização, extensibilidade, composição e persistência (porque o formato é aberto e também pode ser lido por qualquer um); saiba mais sobre  formatos de dados baseado em XML . XML tem o suporte de uma caixa de ferramentas de padrões relacionados, incluindo XSLT (para transformação de conteúdo XML), XQuery (para consultas a banco de dados XML), Modelos de Objetos para Documentos (para acesso em ambiente de programação), SML Schema, e Encriptação e Assinatura XML. A interoperabilidade do XML o tornou a escolha natural para definir formatos de documentos (como SVG e VoiceXML) e serviços (baseados em SOAP e em HTTP).

W3C Continua Investindo em XML

O W3C investiu na manutenção do XML desde que foi publicado pela primeira vez. A manutenção das especificações pode ser um trabalho ingrato, mas o Grupo de Trabalho XML Core atuou para garantir que os problemas reportados pela comunidade levassem às devidas correções das especificações. De fato, no dia 5 de fevereiro, o Grupo de Trabalho XML Core publicou a Quinta Edição do XML 1.0 como uma Proposta de uma Recomendação Editada e convidou a comunidade a revisar o que seria a última rodada de alterações. O W3C aproveita a oportunidade para agradecer o  Grupo de Trabalho XML Core, e especialmente aos seus co-líderes Paul Grosso e Norm Walsh pela dedicação.

Junte-se à comemoração W3C XML10

Como parte da Comemoração W3C XML10, o W3C pretende preparar um vídeo com entrevistas com as pessoas da comunidade XML e distribuir brindes XML10 nos eventos relacionados ao longo do ano de 2008. Para apoiar esses projetos, o W3C convida as instituições afiliadas a se tornarem patrocinadores do XML10. O W3C agradece a FLWOR Foundation pelo seu generoso apoio ao XML10.

Faça uso do XML10 Greeting Card para nos contar suas idéias sobre XML (posts em blogs, videos, artigos, utilização do XML). As contribuições recebidas serão públicas no site.do XML10

Sobre o Consórcio World Wide Web (W3C)

O Consórcio World Wide Web (W3C) é um consórcio internacional no qual as organizações associadas, profissionais de tempo integral e especialistas afins trabalham juntos para o desenvolvimento de padrões Web. O W3C realiza a sua missão ao criar padrões, normas e diretrizes que garantem o crescimento da Web no longo prazo. São mais de 400 Organizações Associadas ao Consórcio. O W3C é dirigido conjuntamente pelo Laboratório de Ciência da Computação e Inteligência Artificial do Massachusetts Institute of Technology (MIT CSAIL), nos EUA, pelo Consórcio Europeu de Pesquisa em Informática e Matemática (ERCIM), na França e pela Keio University, no Japão, além de Escritórios Regionais.

Para mais informações, veja em http://www.w3.org/.

W3C Press Release Archive

Válido XHTML 1.0! | Válido CSS!

Webmaster · Última atualização: 12/02/2008 10:00AM